Ballet Infantil


  Crianças com sete anos ou mais praticam o ballet infantil. Essa faixa etária constitui o período mais adequado para a prática séria da dança, uma vez que exige mais disciplina e dedicação.

  As habilidades são desenvolvidas aos poucos, mediante rotinas de exercícios. Cada bailarina se desenvolve ao seu próprio tempo. Diversos fatores influenciam nessa trajetória, entre eles:

 

  • Idade;
  • Maturidade emocional;
  • Dedicação;
  • Interesse;
  • Qualidade das aulas;
  • Incentivo;
  • Tempo de práticas;
  • Condicionamento físico.

 

Ginástica Artística   

  É de grande importância que se respeite o ritmo da criança e a vontade de dedicar-se ou não ao desenvolvimento mais rápido de suas habilidades como bailarina, pois é isso o que vai determinar seu nível de autoconfiança no momento em que decidir subir ao palco de sapatilhas.

  A ginástica artística, também chamada de ginástica olímpica, é uma modalidade esportiva que envolve um conjunto de movimentos.

Esses movimentos exigem precisão, força, flexibilidade, agilidade, coordenação e equilíbrio. Portanto, o domínio do corpo é uma das principais características desses atletas.

  Quem pratica a ginástica artística são chamados de ginastas. Embora inicialmente ela era praticada somente por homens, hoje essa modalidade está presente em ambas categorias (masculina e feminina).

 

   Aos pais, portanto, cabe apoiar e incentivar, mas nunca forçar a criança a se interessar pelo ballet infantil ou ginástica artística, assim como por qualquer outra atividade.